+55 11 2909-4286 [email protected]
Celular espião: Aprenda como usar

Celular espião: Aprenda como usar

Celular espião, um grande aliado.

O celular hoje em dia, é um acessório que muitas vezes, nos acompanha até mesmo na ida ao banheiro. É fato sabido, que o celular faz mais parte de nossa vida, do que possamos descrever, todos nós, usamos um smartphone, desde o mais simples, aos mais complexos e luxuosos. É uma peça que faz parte do nosso dia a dia.

Hoje em dia, constitui-se relacionamentos, pagamento de contas, compras diversas, tudo através do celular. Há muito mais de nossas vidas, em um celular, do que imaginamos. Portanto, o celular se tornou uma chave muito importante, na hora de uma investigação, e o celular espião. Auxilia nesta tarefa.

Uma vez em que, temos acesso ao celular, da pessoa que virá a ser investigada, tudo se torna mais fácil, através do WhatsApp da pessoa, você pode saber: Com quem ela se encontrou, com quem ela vai se encontrar, o que ela faz, o que ela pensa.. e etc.

Todos os dias, novas tecnologias estão sendo desenvolvidas, ao passo que, se faz necessário, que acompanhemos este passo, na mesma velocidade. Portanto, estamos sempre pensando e elaborando, novas formas de aplicar esses programas, da forma mais discreta e imperceptível.

Fizemos um vídeo em nosso canal do Youtube, para ensinar a vocês a usarem.

Lembrando que, em caso de divórcio, e separação de bens, é de grande valia, se ter grandes provas da traição, até mesmo em disputa de guarda dos filhos. Portanto, se você está desconfiado, ou desconfiada. Procure nossos serviços!

Somos especializados em investigações deste tipo. Atuamos com total descrição, na cidade de São Paulo.

Detetive 007 – Serviços de detetive particular em São Paulo – SP

Caneta espiã: Como investigamos de forma silenciosa.

Hoje vamos relatar, mais uma de nossas investigações, e vamos falar um pouco a respeito. Das tecnologias mais recentes, para espionagem.

A espionagem no Brasil, é muito desenvolvida, por mais inusitado que isso, possa parecer. Desta forma, as pessoas, estão cada vez mais, procurando nossos serviços, e com o mundo digital, crescendo. As investigações se tornam cada vez mais, recorrentes. Pois, hoje em dia, se relacionar com pessoas fora do casamento, se tornou algo tão fácil, que vem acontecendo com, muita frequência.

Buscamos sempre estar equipados, com a melhor tecnologia de espionagem. Para executarmos perseguições, buscas, e a coleta de provas em si, o mais discreta e imperceptível possível.

Caneta espiã.

Fomos contratados, para investigar um homem casado, e durante algumas semanas, percorremos o mesmo caminho que o homem realizava, por questão de anonimato ao cliente, nenhum nome será citado, e a caracterização será a minima possível.

No entanto, o homem que estava sendo investigado, era um homem muito rico. Trabalhava em São Paulo, mas mantinha sua esposa, em Mairiporã, em sua casa fixa, detentor de um apartamento no centro da cidade. Para dias em que ficasse trabalhando, até tarde.

A esposa vinha desconfiando, de suas reuniões recorrentes, e nos contactou. Nos foi dado os endereços, e iniciamos, começamos a rondar seu trabalho, e seus trajetos durante o dia. No entanto, em uma sexta-feira, dia em que, já tinha marcado jantar com a esposa, vimos ele sair de seu escritório, com uma mulher. Logo, começamos a filmar e tirar fotos, e seguimos o homem. Embora aquela situação, pudesse ser uma cordialidade, não quisemos perder a oportunidade.

O homem parou em um restaurante muito reservado em São Paulo. Por se tratar, de um lugar reservado, silencioso, seria difícil entrar com uma filmadora, mesmo que pequena para filmar o local.

Portanto, ativamos a nossa caneta espiã no bolso do terno, e nos sentamos em uma boa posição na mesa, o homem que aparentava cansaço, ficou preso ao cardápio, enquanto a mulher, tentava lhe cativar. Logo as entradas vieram, o prato principal também, e a relação não era mais situacional, e sim física. As provas eram o bastante, pedimos a conta, que viria a ser paga pela cliente depois.

O casal não reatou novamente.

O uso da tecnologia.

Usamos tecnologia de ponta para executar nossas investigações. Contamos com uma equipe pronta para lhe atender. Entre em contato.

Detetive 007 – Serviços de detetive particular em São Paulo – SP

 

Reações a uma investigação de traição, como reagir ao descobrir

As traições são questões que rondam nossos dias. O ser humano é infiel, e disto já sabemos, no entanto, vivendo em um mundo tecnológico. Nunca foi tão fácil, se comunicar com outras pessoas, foram do casamento.

Por conta, destas modernidades, estamos sempre em busca, das melhores tecnologias. Para detectar possíveis traições, de forma sigilosa e prática, para aqueles que solicitam nossos serviços.

Já acompanhamos diversos casos de traição, dentre estes casos, foi possível presenciar, diversas reações diferentes, por parte do cliente que acabou descobrindo, que estaria sendo traído. Alguns reagem com violência, outros caem no choro, outras pessoas simplesmente engolem o sentimento, e seguem em frente.

Caso de traição.

Hoje vamos relatar uma história, muito complicada que nos foi presenciada. Tratava-se de um casal, que gostava de viajar, e a esposa nos procurou com suspeitas de que, seu marido a estava traindo, não sabia ao certo com quem, nem como isso acontecia, mas suspeitava.

Coletamos o máximo, de informações, que nos foi possível coletar. A cliente, era muito educada, jovem e instruída. A todo momento, dizia que, não gostava do que estava fazendo. Que deveria confiar em seu marido. No entanto, não queria encerrar as investigações.

Portanto, demos seguimento, aos desejos da cliente. O casal tinha uma viagem programada, para fora do Brasil, o que tornaria impossível, realizar uma investigação de campo, ou seja, ir para a rua e etc. Então, pedimos que ela trouxesse, o computador pessoal, de seu marido, para instalarmos um espião. Possibilitando, a monitorização de suas redes, durante a viagem.

E acabamos constatando, que na verdade, a mulher estava realmente sendo traída. Mas neste caso, tratava-se de uma traição, com a sua melhor amiga. Amiga que, estava sempre a viajar com ela e seu esposo.

Comunicamos a cliente, com as provas dos bate-papos, onde ele pedia para encontrar com ela, em determinados horários, e a esposa ao receber as provas, se demonstrou uma pessoa, muito centrada, agradeceu e foi embora. Não demonstrou, nem raiva, nem tristeza.

FATO IMPORTANTE:

Nós nunca vamos expor uma história em nosso blog. Sem o consentimento prévio das pessoas envolvidas. Nenhuma identidade é revelada ao longo do texto, para preservar acima de tudo, a privacidade do cliente.

 

 

Será que você está sendo traído?

Será que você está sendo traído?

É comprovado, a traição. Os brasileiros são infiéis, você está traindo ou já foi traído?

Foi realizada uma pesquisa, sobre a sexualidade na América Latina, feita pelo instituto Tendências Digitales em 11 países da região a pedido do GDA. Que mostra o Brasil apresentando os maiores índices de infidelidade e disfunções sexuais.

Logo, quem olha para os casos de infidelidade declarados pelos brasileiros corre o risco de perder o sono. Entre os homens, o percentual daqueles que dizem já ter traído pelo menos uma vez na vida chega a 70,6%. Entre as mulheres, o número é 56,4% – o maior da região. Ou seja, o levantamento mostra que apenas 36,3% dos brasileiros nunca traíram um parceiro.

Portanto, se incorpora ao casamento, a ideia de que, é complicado viver anos com, uma pessoa sem ter ao menos, uma experiência extraconjugal. Um sintoma de problemas graves na relação.

Mas a infidelidade, masculina ou feminina, sobretudo em percentuais tão altos, segundo os especialistas, é um sintoma dos mais gritantes de que os casais não estão sabendo enfrentar seus problemas e se relacionar de forma mais saudável.

Ou seja, a conversa, e o diálogo, muitas vezes pode solucionar os problemas, e sobretudo evitar, a traição.

Justificativas.

Alexandre Sadeeh, especialista em sexualidade do Hospital das Clínicas da USP, concorda com a colega:

– Falta intimidade entre os casais – diz. – A paixão, o encantamento, o amor do início do casamento são destruídos pela rotina. As pessoas pensam, ‘já conheço, já sei, não preciso me dedicar tanto’. Vão mudando e isso não é percebido pelo outro. E vão se distanciando.

A pesquisa mostra que falta mesmo diálogo aos casais, sobretudo no que diz respeito às preferências sexuais. Segundo o levantamento, menos da metade das pessoas dizem falar sempre com o parceiro sobre o que mais gostam na cama. Metade (49,8%) diz que só às vezes fala sobre o assunto e 6,4% afirmam que isso nunca acontece. No Brasil, 42% dizem conversar sempre.

Não fique na dúvida, entre em contato com nós.

 

 

Open chat
Detetive Online!
Powered by